13 | No êxtase de um entardecer que não será uma noite*

Eu sempre tive paixão por bússolas! Ganhei uma quando tinha seis anos — um pouco mais ou menos. Sempre fui péssima com essa coisa de idade. Me perco em somas improváveis… começo a contar e daqui a pouco, uma folha se desprende da árvore, um pássaro cruza o ar em movimentos magníficos de asas, umContinuar lendo “13 | No êxtase de um entardecer que não será uma noite*”