Em mãos

Se há uma coisa boa de ler, é uma carta – escreveu Otto Lara Resende em uma de suas crônicas. Eu, no entanto, teria escrito: se há uma coisa boa de se escrever, definitivamente é uma carta… Abril [entre tantas coisas] é o mês do B.E.B.A e lá vamos nós…e eu terei companhia nessa aventuraContinuar lendo “Em mãos”